It is the cache of http://www.revistas.usp.br/rege/article/view/36742. It is a snapshot of the page. The current page could have changed in the meantime.
Tip: To quickly find your search term on this page, press Ctrl+F or ⌘-F (Mac) and use the find bar.

A institucionalização de representações sociais: uma proposta de integração teórica | Guerra | REGE Revista de Gestão
Portal da USP Portal da USP Portal da USP

A institucionalização de representações sociais: uma proposta de integração teórica

Gilberto Clarício Martinez Guerra, Elisa Yoshie Ichikawa

Resumo


O objetivo do presente estudo foi propor a utilização conjunta da Teoria das Representações Sociais e da Teoria Institucional como uma opção para a análise de fenômenos organizacionais que vise identificar o entendimento que os membros de uma organização possuem de um determinado objeto/sujeito, assim como a formação desse entendimento. Para atingir o objetivo estabelecido, realizou-se um debate teórico acerca de ambas as teorias. Para trabalhar a Teoria das Representações Sociais, utilizaram-se principalmente os conceitos de Moscovici (1978) e de Jodelet (2001), entre outros autores importantes. Já para o processo de institucionalização, recorreu-se mais aos autores Berger e Luckmann (1996) e Tolbert e Zucker (2007), cujas ideias foram complementadas com as de outros autores. Na comparação entre os pontos comuns, observou-se o início predominantemente determinista de ambas as teorias e, mais atualmente, a ênfase nos aspectos cognitivos. No último tópico, elaborou-se uma figura que descreve como ocorre o processo de institucionalização das representações sociais. O estudo conclui, levando em consideração os aspectos cognitivos, emocionais, as relações de poder e os interesses envolvidos no processo, que a união da Teoria das Representações Sociais com a Teoria Institucional é adequada para que se compreendam os fenômenos organizacionais, assim como sua formação.

Palavras-chave


Teoria institucional;Teoria das Representações Sociais;Organizações

Texto completo:

PDF

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.