It is the cache of http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/semagrarias/article/view/8877. It is a snapshot of the page. The current page could have changed in the meantime.
Tip: To quickly find your search term on this page, press Ctrl+F or ⌘-F (Mac) and use the find bar.

Produtividade e valor nutricional de variedades de cana-de-açúcar sob diferentes fontes de fósforo | Caione | Semina: Ciências Agrárias

Produtividade e valor nutricional de variedades de cana-de-açúcar sob diferentes fontes de fósforo

Gustavo Caione, Francisco Maximino Fernandes, Anderson Lange, Antonio Fernando Bergamaschine, Flávio Carlos Dalchiavon, Amilton Ferreira da Silva

Resumo


Com a expansão da cana-de-açúcar em áreas nas quais não é tradicional seu cultivo, há a necessidade de se estudar o manejo da adubação, principalmente do fósforo, que é o nutriente que mais limita a produção em regiões de clima tropical. O objetivo deste trabalho foi avaliar a produtividade e o valor nutricional de duas variedades de cana-de-açúcar cultivada com diferentes fontes de fósforo, durante três ciclos de produção no Norte do Mato Grosso. O delineamento experimental utilizado foi o de blocos ao acaso, em esquema fatorial 4x2, com quatro repetições. As fontes de fósforo utilizadas foram a farinha de ossos, fosfato de Arad e superfosfato triplo, na dose de 100 kg ha-1 de P2O5 e, um controle, sem aplicação do nutriente no sulco de plantio. As variedades de cana-de-açúcar plantadas foram a IAC86-2480 e a SP79-1011. Avaliou-se a produtividade de matéria seca, teor de matéria seca, fibra em detergente neutro e, em detergente ácido, lignina, celulose, digestibilidade in vitro e proteína bruta da forragem. As fontes de fósforo proporcionaram maiores produtividades durante o primeiro ciclo da cana-de-açúcar e não causaram efeito significativo na produtividade nos ciclos posteriores. A adubação fosfatada não promoveu alterações significativas no valor nutricional da cana-de-açúcar. A variedade IAC86-2480 apresentou maior teor de proteína bruta nos três ciclos e maior produtividade de matéria seca nos dois primeiros ciclos, em relação a SP79-1011. Em relação aos constituintes fibrosos, ambas as variedades apresentaram resultados semelhantes.

 


Palavras-chave


Saccharum spp.; Forragem; Adubação fosfatada; Composição bromatológica; Farinha de ossos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0359.2012v33n6Supl1p2813

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

Semina: Ciências Agrárias

Londrina - PR
ISSN 1676-546X

E-ISSN 1679-0359

semina.agrarias@uel.br