It is the cache of http://www.fae.unicamp.br/revista/index.php/etd/article/view/2310. It is a snapshot of the page. The current page could have changed in the meantime.
Tip: To quickly find your search term on this page, press Ctrl+F or ⌘-F (Mac) and use the find bar.

<b>Do sedentarismo ao nomadismo: intervenções para se pensar e agir de outros modos na educação</b><br><i>From sedentarism to nomadism: some interventions to think and act differently in education</i> | Carvalho | ETD - Educação Temática Digital

Do sedentarismo ao nomadismo: intervenções para se pensar e agir de outros modos na educação
From sedentarism to nomadism: some interventions to think and act differently in education

Alexandre Filordi de Carvalho, Sílvio Gallo

Resumo


Com o intuito de diagnosticar o que se denomina de representação sedentária na educação, por intermédio do pensamento de Foucault, o artigo analisa a pastoral cristã como diagnóstico da presença da arte de conduzir no campo da educação. Destaca a herança do controle nas condições de constituição de subjetividades, na fixação de significações dominantes e na regulação de ações independentes como estratégias responsáveis por condicionar o “fazer pensar” na educação a um conjunto de estruturas fixas. A partir daí, tendo por base o pensamento de Deleuze e Guattari, busca-se pensar a educação como experiência, espaço e movimento para além das estruturas sedentárias de representação, visando um tipo de nomadismo como intervenção para se pensar e agir de outros modos na educação.

 

Abstract

Intending to diagnose what is called sedentary representation in Education, through Foucault’s thought, this article examines the Christian pastoral as a diagnosis of the art of conduction in the field of Education. At same time, it highlights the legacy of control in terms of subjectivity constitution, by fixing dominant significations and in the regulation of independent action as well as the strategies responsible to making condicioned "the thinking" in education in a frame of fixed structures. Thereafter, based on the thought of Deleuze and Guattari, the article tries to think the education as experience, space and movement beyond the sedentary structures of representation, seeking for a kind of nomadism as an intervention to think and act in other ways Education.

Keywords

Subjectivites; Education; Sedentarism; Nomadism


Palavras-chave


Subjetividades; Educação; Sedentarismo; Nomadismo

Referências


BECKETT, S. Esperando Godot. São Paulo, SP: Cosacnaify, 2005.

CASSIRER, E. Ensaio sobre o homem: introdução a uma filosofia da cultura humana. São Paulo, SP: Martins Fontes: 2005.

CASTELLO, L. A.; MÁRSICO, C. T. Oculto nas palavras: dicionário etimológico para ensinar e aprender. Belo Horizonte: Autêntica, 2007.

DELEUZE, G. Diferença e repetição. Rio de Janeiro, RJ: Graal, 2006.

______. Différence et répétition. Paris: PUF, 2003a.

______. Proust e os signos. 2. ed. Rio de Janeiro, RJ: Forense Universitária, 2003b.

DELEUZE, G.; PARNET, C. Dialogues. Paris: Flammarion, 1996.

______.; GUATTARI, F. Kafka: por uma literatura menor. Rio de Janeiro, RJ: Graal, 1977.

______.; GUATTARI, F. Mille Plateaux. Paris: Minuit, 1980.

______.; GUATTARI, F. Mil platôs: capitalismo e esquizofrenia. São Paulo, SP: Editora 34, 1997. (v.5).

______.; GUATTARI, F. Mil platôs: capitalismo e esquizofrenia. São Paulo, SP: Editora 34, 2004. (v.1).

DOSSE, F. Gilles Deleuze y Félix Guattari: biografía cruzada. Buenos Aires: Fondo de Cultura Económica, 2009.

FOUCAULT, M. História da sexualidade I: a vontade de saber. 6. ed. Rio de Janeiro, RJ: Graal, 1985.

______. Omnes et singulatim. In: ______. Dits et Écrits [1981]. Paris: Gallimard, 1994.

______. A hermenêutica do sujeito. São Paulo, SP: Martins Fontes, 2004a.

. Sécurité, territoire, population. Paris: Gallimard; Seuil, 2004b.

NIETZSCHE, F. W. Genealogia da moral: uma polêmica. São Paulo SP: Cia das Letras, 1998.

______. O anticristo. São Paulo, SP: Cia. das Letras, 2007.

ROUSSEAU, J-J. Emílio ou da Educação. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1992.

______. O contrato social: princípios do direito político. São Paulo SP: Martins Fontes, 2006.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Parceiros / Apoio
CNPq Capes Abec Ibict
Licença Creative Commons WorldCat

23 de abril de 2013