It is the cache of http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/seminabio/article/view/6434. It is a snapshot of the page. The current page could have changed in the meantime.
Tip: To quickly find your search term on this page, press Ctrl+F or ⌘-F (Mac) and use the find bar.

Bromeliaceae Juss. do Pico Piraí, município de Guaratuba (Paraná, Brasil) | Negrelle | Semina: Ciências Biológicas e da Saúde

Bromeliaceae Juss. do Pico Piraí, município de Guaratuba (Paraná, Brasil)

Raquel R.B. Negrelle, Leonardo Kumagai Antunes Sampaio, Rosemeri Morokawa, Ivan Lewiski

Resumo


Apresentam-se resultados de levantamento florístico das espécies de Bromeliaceae Juss. no Pico Piraí, Complexo do Araraquara (Guaratuba, Paraná). Verificou-se a ocorrência de 26 espécies pertencentes a nove gêneros e três subfamílias. Bromelioideae englobou a maior diversidade de gêneros e Tillandsioideae registrou-se a maior diversidade de espécies, sendo 12 delas incluídas no gênero Vriesea (46%). As seguintes espécies foram registradas pela primeira vez no município de Guaratuba: Nidularium procerum Lindm., Tillandsia stricta Sol. ex Ker Gawl., Vriesea altodaserrae L. B. Sm., Vriesea erythrodactylon (E. Morren) E. Morren ex Mez, Vriesea flava And. Costa, H. Luther & Wand.,Vriesea friburgensis Mez, Vriesea hoehneana L. B. Sm., Vriesea inflata (Wawra) Wawra e Wittrockia superba Lindm.. Dyckia leptostachya Baker foi registrada pela primeira vez na zona litorânea paranaense e após 40 anos do último registro de coleta da espécie no Estado. São apresentadas informações sobre fenologia, distribuição geográfica e grau de vulnerabilidade para cada espécie identificada.

Palavras-chave


Bromélias; Floresta Atlântica; Distribuição geográfica.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.5433/1679-0367.2011v32n2p155

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.

 

Semina: Cências Biológicas e da Saúde

email: seminabio@uel.br

Londrina - PR
ISSN Print: 1676-5435

EISSN: 1679-0367