It is the cache of http://revistas.rcaap.pt/motricidade/article/view/106. It is a snapshot of the page. The current page could have changed in the meantime.
Tip: To quickly find your search term on this page, press Ctrl+F or ⌘-F (Mac) and use the find bar.

Confiabilidade de testes de aptidão funcional em mulheres de 60 a 80 anos | Virtuoso Júnior | Motricidade

Confiabilidade de testes de aptidão funcional em mulheres de 60 a 80 anos

Jair Sindra Virtuoso Júnior, Ricardo Oliveira Guerra

Resumo


O estudo teve como objetivo analisar a confiabilidade expressa pela consistência interna e a estabilidade na aplicação de duas baterias de aptidão funcional específicas a populações idosas (AAHPERD e Fullerton). Para tanto, foram selecionadas por conveniência 36 idosas com média de idade de 68 anos (DP = 6.64). Os parâmetros de aptidão funcional avaliados foram: resistência de força, flexibilidade, agilidade e equilíbrio dinâmico, coordenação e resistência aeróbia. Na análise dos dados foram utilizados procedimentos da estatística descritiva para caracterização da amostra (frequência, média e desvio padrão) e o coeficiente de correlação intraclasse (ricc) para verificação da concordância na estabilidade e consistência interna dos testes, para tanto foram estimados intervalos de 95% de confiança. Em geral, as duas baterias mostraram índices aceitáveis de confiabilidade, com os ricc variando de .60 a .94. No entanto, a bateria de Fullerton apresentou-se mais consistente nos ricc nos testes propostos, principalmente no que diz respeito aos testes de flexibilidade do quadril e o de dois minutos de marcha estacionária para avaliação da resistência aeróbia. Os resultados permitem concluir que ambas as baterias de testes para avaliação da aptidão funcional apresentam níveis aceitáveis de confiabilidade.

Texto Completo: PDF

A revista Motricidade (ISSN 1646-107X, eISSN 2182-2972) é uma publicação trimestral da Fundação Técnica e Científica do Desporto.